6.9.07

Iberismo

Num comboio, viajavam no mesmo compartimento um Português, um Espanhol, uma Loira espectacular e uma Gorda enorme.
Depois de uns minutos de viagem, o comboio passa por um túnel e ouve-se um chapadão.
Ao saírem do túnel, o Espanhol tinha um vermelhão na cara.
A Loira espectacular pensou: "Este filho da puta do Espanhol queria-me apalpar, enganou-se, apalpou a Gorda e ela deu-lhe um chapadão".
A Gorda enorme pensou: "O filho da puta do Espanhol apalpou a Loira e ela mandou-lhe um chapadão".
O Espanhol pensou: "Este sacana do Português apalpou a Loira, ela enganou-se e mandou-me um chapadão". E o Português pensou: "Oxalá venha outro túnel para poder mandar mais um chapadão ao cabrão do Espanhol!..."

2 comentários:

Mestre disse...

Como em tempos li, sabes qual o melhor negócio da vida?

Comprar um espanhol pelo que vale e vendê-lo pelo que ele julga que vale. :)

Sem Naufragar disse...

Faltou esta que partilhaste cmg nos corredores.
Filho espanhol para o pai:
- Pai, quando for grande quero ser como tu!
- Muito bem filho, e porquê?
- Para ter um filho como eu :D