14.4.08

Micro-ambientes



Cada aquário tem o seu ambiente. Podemos criar um ambiente quente ou frio, mais ou menos selvagem, mais ou menos próximo do que existe no habitat natural dos animais.
O ambiente em que crescemos irá condicionar quem e o que somos. Não é factor único, ou seja, não actua sózinho nem impera isolado. Mas determina muitos aspectos de cada um de nós.
As nossas famílias não são calculadas com base em aquariofilia. Não escolhemos o cenário ou as personagens que vão viver nela. Mas temos poder para criar uma melhor ou dar a nossa mais valia para melhorar/interferir/apoiar/olhar pela que temos.
No nosso caso, a minha familia teve um incremento recente: 5 peixinhos de água quente (gentilmente oferecidos por uma amiga).
A vida não mudou, mas não posso dizer que este ambiente seja indiferente às pessoas de quem gosto muito!
Boa noite mundo,
Figueirinha

4 comentários:

Pratas disse...

Bonita a simplicidade deste texto.

Amaral disse...

Desejo a todos os que tiveram a paciência de me ler ao longo de mais de três anos, um eterno momento de felicidade nas vossas vidas terrenas e que, cedo, entendam no vosso coração o porquê da dádiva que foi experienciarem a Vida desta forma...
Na certeza de que o Deus do vosso entendimento falar-vos-à sempre na voz da vossa consciência!
OBRIGADO!!!
(Amaral Nascimento)

lyS disse...

Simples, bonito e verdadeiro.

Joka disse...

Pensamento simples mas profundo...bonito aquario...tambem eu acrescentei ao meu 4 zebras e um tubarão bicolor